Existe idade específica para jogar Bocha?

José Eduardo e Gustavo Fadini: duas gerações entusiasmadas com a Bocha / Fotos: Adilson Lopez José Eduardo e Gustavo Fadini: duas gerações entusiasmadas com a Bocha / Fotos: Adilson Lopez

A resposta é: não mais. O esporte, que tinha como costume contar com a participação de jogadores mais experientes, hoje, tem espaço para todas as faixas etárias.

Tecnicamente, a bocha, que é uma das modalidades dos 61º Jogos Regionais – Sertãozinho 2017, é um jogo bem simples e pode ser disputado individualmente, em duplas ou trios. De início, um dos jogadores deve lançar o bolim (bola pequena); em seguida, o mesmo jogador e seu adversário lançam as bochas (bolas maiores), para que fiquem o mais próximo do bolim. Após o término dos arremessos, é feita a contagem dos pontos. Ganha o competidor, dupla ou trio que deixar o maior número de bochas próximo do bolim.

“A Bocha é conhecida por ser um esporte praticado por jogadores mais velhos”, comenta o árbitro, José Benedito Cavalaro, 65. “Porém, o esporte tem atraído jogadores de todas as idades e, diferente de alguns outros esportes, que carregam muita rivalidade, a Bocha une os jogadores, que podem estar no mesmo nível de disputa, independentemente da idade”, completa Cavalaro.

Para o jogador e representante do município de Sertãozinho, Gustavo Henrique Fadini, 16, a modalidade “é uma forma de aproximar as pessoas e proporcionar novas amizades que não seriam firmadas se não fosse o esporte. O jovem pegou gosto pelo esporte por influência do pai, José Eduardo Fadini, 50, que costuma participar de campeonatos amadores e, um dia, sonha em disputar uma competição ao lado filho.

Imagens